Rui Costa demite, pela segunda vez, delegado acusado de corrupção


Um delegado de Polícia Civil voltou a ser demitido pelo governador Rui Costa pela segunda vez em dois anos. Carlos Roberto Botelho Vasconcelos é acusado de integrar um esquema de corrupção em Cansanção e Monte Santo, no norte baiano, e foi alvo de uma operação da Polícia Civil no ano de 2011.

As investigações mostraram, conforme publicação do jornal Correio, que o grupo negociava a liberdade de criminosos e liberação de material apreendido mediante pagamento de valores que oscilavam entre R$ 2 mil e R$ 8 mil.

Diante do histórico, o governador Rui Costa exonerou Vasconcelos em setembro de 2017, mas uma decisão judicial obrigou a reintegração do delegado ao quadro de servidores públicos. O retorno de Carlos Roberto Botelho Vasconcelos ocorreu em outubro de 2018.

A segunda demissão do delegado ocorreu neste mês de janeiro de 2019 com publicação do ato no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta quarta-feira, dia 9. (Da redação TN)





Comentários


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.